Publicidade

Notícias de saúde

Anvisa vai tirar solvente percloro etileno do mercado

Belo Horizonte, 11 de Setembro de 2001 (Bibliomed). A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a retirada do solvente percloro etileno do mercado. O percloro etileno é um composto orgânico que contém cloro largamente utilizado como agente de limpeza em lavanderias.

Segundo a International Agency for Research on Cancer (IARC), órgão com sede nos Estados Unidos e reconhecido pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o produto pode causar câncer.

Pela proposta da Agência, a partir de janeiro de 2002 fica proibida a instalação de máquinas que usem percloro etileno. As máquinas já instaladas deverão adaptar-se a novos solventes até janeiro de 2003.

A contaminação pode ocorrer quando a pessoa respira ar ou ingere água ou alimentos atingidos pela substância, que escapa das máquinas de lavagem de roupa a seco na forma de gás. Os sintomas são enjôos, fadiga, dores de cabeça, falta de coordenação motora e inconsciência.

O percloro etileno também é utilizado em tinturarias, indústrias têxteis, fabricantes de CFC (Clorofluorcarbono), de produtos de limpeza e por fábricas de borracha laminada. Nos Estados Unidos, França e Itália foi possível reduzir em até 70% o uso do produto com a substituição por outros solventes similares como o hidrocarbono e o wetcleaning.

As empresas que não se adequarem à resolução da Anvisa estarão sujeitas a penalidades da Lei número 6.437/77, que prevê desde notificação até a cobrança de multas que variam de R$ 2 mil a R$, 1,5 milhão.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: