Publicidade

Notícias de saúde

Anemia grave, como a da rainha-mãe, exige transfusão de sangue

Belo Horizonte, 13 de Agosto de 2001 (Bibliomed). Pouco antes de completar 101 anos de vida, há cerca de dez dias, a mãe da rainha Elizabeth 2º, da Inglaterra, precisou ser internada para tratar de anemia.

A rainha-mãe foi submetida a uma transfusão de sangue, método adotado apenas em casos graves de anemia. O procedimento envolve um pequeno risco em pessoas de idade avançada. No entanto, não trouxe problemas para a rainha, que passou bem após a transfusão. O sangue usado era proveniente do Serviço Nacional de Transfusão da Inglaterra. Dois dias após ter deixado o hospital, Elizabeth Bowes-Lyon comemorou o 101º aniversário, saudando de pé os londrinos.

A anemia, enfermidade que atingiu a rainha britânica, é a falta de capacidade da hemácia – parte do sangue – de fornecer oxigênio suficiente aos tecidos. A hemácia pode perder essa capacidade pela redução de seu tamanho, de seu número ou até da quantidade de hemoglobina transportada. Ao mesmo tempo em que o oxigênio não chega ao tecido, a hemácia carrega irregularmente o dióxido de carbono (um detrito do metabolismo celular) até os alvéolos pulmonares.

Existem cerca de 400 tipos de anemia, provocados por fatores diversos. A produção dos glóbulos vermelhos, que compõem o sangue, depende de um processo complexo que exige a presença de fatores nutricionais. Quando a dieta de uma pessoa não contém a quantidade suficiente desses nutrientes, todo o processo fica prejudicado. Em mulheres em idade fértil com excessiva perda de sangue durante os períodos menstruais, é comum a deficiência de ferro, que contribui para a formação de glóbulos menores e com menos hemoglobina.

Quando a anemia é moderadamente grave, os sintomas principais incluem palidez da pele e de mucosas, fadiga, fraqueza, desmaios, dor de cabeça, dificuldades respiratórias, formigamento nos pés e nas mãos, além de taquicardia. Nos casos mais comuns, um hemograma é suficiente para diagnosticar o mal. Quando a causa é a deficiência nutricional, a anemia pode ser revertida com uma dieta adequada. Em pacientes que sofrem uma forte hemorragia, os médicos optam pela transfusão de sangue. Nos outros tipos da doença, o médico identifica a causa do problema para, então, tratá-la.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: