Publicidade

Notícias de saúde

Especialistas brasileiros apresentarão panorama para prevenir mortalidade na gestação

São Paulo, 11 de Maio de 2001 (eHealthLA). O Hospital e Maternidade São Luiz, em são Paulo, realiza dias 11 e 12 de maio, um Curso Internacional de Perinatologia, que deverá reunir cerca de 400 especialistas de todo o Brasil.

Obstetras e pediatras estarão analisando experiências adotadas em países como Estados Unidos e Hungria para a redução da taxa de incidência de mortalidade e morbidade na gestação, métodos de prevenção da malformação fetal, aspectos éticos da reanimação neonatal, atuação da enfermagem na obstetrícia, humanização na unidade neonatal, tipos de parto e morbimortalidade de prematuros, entre outros.

Segundo um dos coordenadores do evento, o médico Soubhi Kahhale, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, o curso visa um maior entrosamento entre os especialistas da ginecologia obstetrícia e pediatras neonatologistas para condutas uniformes entre as duas áreas, contribuindo para melhorar a prática médica hospitalar e reduzir os índices de mortalidade e morbidade neonatal.

Estima-se que no Brasil uma a cada 700 crianças nascidas possuam defeito do tubo neural, que entre outras conseqüências pode levar a malformações neurológicas como a anencefalia (doença que impede a formação do cérebro).

"O foco do curso é reunir especialistas para uma reciclagem na prática diária de atendimento a gestante, cujos interesses são comuns, alertando para o diálogo constante, o que tende a melhorar as estatísticas de mortalidade e morbidade", diz dr. Soubhi Kahhale.

Estarão sendo apresentadas experiências positivas de países como Estados Unidos e Hungria em relação à prevenção de malformações fetais, com dados comparativos de redução da taxa de mortalidade e morbidade neonatal.

Prevenção das malformações fetais

Um dos pontos fortes do primeiro dia de curso é a abordagem multidisciplinar e prevenção das malformações fetais. Segundo o ginecologista obstetra Roberto Bittar, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, que conduzirá a conferência "Prevenção dos defeitos de fechamento do tubo neural", a ingestão de ácido fólico e outras vitaminas será tema da discussão.

“Sabe-se que o equilíbrio nutricional da mulher imediatamente antes de engravidar e durante a gravidez é fundamental para o bom desenvolvimento fetal”, avalia Bittar.

Copyright © 2001 eHealth Latin America

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: