Publicidade

Notícias de saúde

Ministério da Saúde Aprova Novo Genérico Para Pressão Alta

O Ministério da Saúde acaba de aprovar o genérico Captopril, medicamento de uso contínuo para hipertensão arterial, doença mais conhecida como "pressão alta". Para se ter uma idéia, a pressão alta ataca 1 em cada 5 brasileiros, chegando à razão de 1 para 2, entre idosos. O tratamento com medicação, segue pela vida toda.

Dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia demonstram que as doenças cardiovasculares são hoje, no Brasil, a principal "causa mortis". Cerca de 2,5 bilhões de comprimidos/ano são hoje consumidos no Brasil para hipertensão arterial, doença que ataca em sua maioria idosos, com pouco poder de compra, necessitando de um medicamento para controle da pressão alta, de uso contínuo, diário, por uma vida toda.

O novo genérico lançado pelos laboratórios é correspondente ao Klaricid, um antibiótico de amplo espectro, indicado para o tratamento de infecções das vias respiratórias, infecções dermatológicas e gastroenterológicas. Este é um dos primeiros genéricos lançados no mercado brasileiro após a realização de testes de bioequivalência. Além da qualidade, o principal atrativo desse novo genérico é o preço, que chegou às prateleiras das farmácias brasileiras custando cerca de 60 % mais barato que o produto de marca e com menor preço em relação às demais marcas similares.

Hoje, o Klaricid, medicamento referência, vende em média 30 mil unidades/mês. Foram colocados em todo o país, na fase inicial de distribuição, 9 mil unidades/mês. É bom entender que a Claritromicina depende de receituário médico e por isso a demanda do produto só deverá crescer na medida em que os médicos prescreverem o genérico.

Copyright © 2000 BoaSaúde

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: