Publicidade

Notícias de saúde

Ataques de Tubarão Batem Recorde com 79 Casos em 2000

GAINESVILLE (Reuters) - O ano de 2000 registrou 79 ataques de tubarões contra humanos, número recorde desde 1958, quando o Arquivo Internacional de Ataques de Tubarões, da Universidade da Flórida, passou a catalogar os casos.

Apesar do grande número de ocorrências, somente dez pessoas morreram como consequência dos ataques.

A média de mortes na década de 90 foi de 12,7 por ano, diz o relatório divulgado na sexta-feira. Os casos fatais registrados no ano passado aconteceram na Austrália (três) e na Tanzânia (dois). Ilhas Fiji, Japão, Papua Nova Guiné, Estados Unidos e o território francês da Nova Caledônia tiveram um caso fatal cada um.

Em 1999, foram registrados 58 ataques. Nos anos 90, a média anual de ataques foi de 54.

"Os ataques são basicamente um jogo de possibilidade baseado no número de horas que se fica na água", disse George Burgess, diretor da instituição da Universidade da Flórida que cataloga os casos.

Segundo os pesquisadores, os ataques de tubarão estão sendo mais comunicados atualmente graças à Internet e à iniciativa das vítimas de escrever emails sobre os casos.

As vítimas mais frequentes dos tubarões são banhistas (46 por cento), seguidos de surfistas e praticantes de outros esportes náuticos (32 por cento).

Depois aparecem os mergulhadores (18 por cento), surfistas de body board (3 por cento) e, por último, com um por cento dos casos, aparecem pessoas que estão entrando na água.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2001 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: