Publicidade

Notícias de saúde

Diabete Afeta Produtividade e Salário de Trabalhador

30 de Janeiro de 2001 (Bibliomed). A diabete afeta o bolso dos pacientes da mesma forma que sua saúde, afirmaram pesquisadores.

Pessoas com diabete dos tipos 1 e 2 estão mais propensas a faltar ao trabalho do que seus colegas saudáveis. Como resultado, sua renda anual pode ser reduzida a um terço, de acordo com descobertas de um estudo publicado na edição de janeiro de Diabetes Care.

A pesquisa, baseada em dados de 1989, descobriu que a diabete reduziu a renda anual de trabalhadores norte-americanos entre 3.700 e 8.700 dólares. Por exemplo, o homem norte-americano branco médio de 55 anos ou mais ganhava cerca de 27.500 dólares, enquanto que um homem similar com diabete recebia cerca de 18.800 dólares, explicaram Ying Chu Ng, da Universidade Batista de Hong Kong, na China e sua equipe.

As pessoas com diabete estavam 3,5 por cento menos propensas a fazer parte da força de trabalho do que aquelas sem a doença, após ajuste de idade, circunstâncias sociais e condição de saúde, destacaram os pesquisadores.

Os diabéticos que também têm complicações estavam 12 por cento menos propensos a estarem empregados, comparados a diabéticos que não sofriam de complicações médicas. E aqueles com complicações trabalhavam 3,2 menos dias a cada duas semanas, de acordo com os resultados.

"Em suma, as complicações de diabete têm um impacto enorme na perda de trabalho", disse o co-autor do estudo, Philip Jacobs, do Instituto de Economia de Saúde, em Edmonton, Alberta, Canadá.

A diabete implicou em 27 bilhões de dólares em custos médicos diretos e 32 bilhões de dólares em custos indiretos ou de perda de produtividade em 1997, de acordo com a American Diabetes Association (Associação Americana de Diabete).

"A prevenção ou o retardo de complicações terão um impacto nos custos relacionados à saúde indiretos", concluíram os cientistas.

As descobertas estão baseadas em uma análise de dados nacionais de mais de 1.300 pessoas com diabete. Os dados incluem a participação na força de trabalho, as horas de serviço, as variações de emprego e demográficas e a condição de saúde. O estudo incluiu trabalhadores de ocupações braçais e intelectuais.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: