Publicidade

Notícias de saúde

Caminhada de Meia Hora Queima Mais Caloria Que 3 de 10 Minutos

26 de Janeiro de 2001 (Bibliomed). Todos concordam com as mensagens de saúde pública que apelam para que as pessoas pratiquem exercícios moderados e regulares. Entretanto, a melhor forma para os gordinhos se exercitarem não é clara. Resultados de um pequeno estudo sugeriram que o ideal são exercícios diários em uma dose única em vez de períodos de exercícios de 10 minutos distribuídos ao longo do dia.

Em um estudo com 30 mulheres de meia idade, os pesquisadores verificaram que caminhar rapidamente por 30 minutos ininterruptos queimou mais calorias que caminhar 10 minutos três vezes ao dia. A diferença de calorias poderia contribuir para perder cerca de 2,5 quilos por ano, informaram os autores em artigo publicado na edição de janeiro do Medicine & Science em Sports & Exercise.

Janet E. Fulton, do Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), em Atlanta (Georgia), chefiou o estudo. A equipe mediu o gasto de calorias das mulheres durante três dias: no primeiro, elas caminharam rapidamente por 30 minutos; no outro dia, o exercício foi divido em três caminhadas de 10 minutos; e o último dia foi de descanso.

Os pesquisadores verificaram que a caminhada contínua queimou cerca de 60 calorias a mais por dia que a caminhada "intermitente". A diferença pode parecer pequena, mas, segundo os pesquisadores, pode se traduzir em uma diferença significativa no peso com o passar do tempo -- presumindo que a ingestão de calorias permaneça a mesma.

Os norte-americanos ouvem mensagens conflitantes quando se trata de recomendações sobre exercícios. O National Institute of Health recomenda às pessoas saudáveis que acumulem pelo menos 30 minutos de exercícios moderados na maioria dos dias.

Outros especialistas defendem atividades moderadas a intensas por 20 a 60 minutos seguidos, três a cinco dias por semana.

As recomendações do NIH se originam em parte da crença de que pessoas inativas podem ser mais propensas a realizar sessões curtas de exercícios, conforme Fulton. A pesquisadora observou em entrevista à Reuters Health que algum exercício é melhor que nada. Por exemplo, alguns estudos têm demonstrado que pequenos períodos de atividade podem melhorar a saúde do coração.

Conforme a pesquisadora, pequenas sessões de exercícios deveriam ser apenas o início de atividades mais regulares e intensas.

"Na minha opinião, deveríamos deixar de lado essa idéia de fazer 10 minutos de exercícios várias vezes por dia e adotar a prática de atividades físicas contínuas", disse a pesquisadora.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: