Publicidade

Notícias de saúde

Limitar Acesso de Jovens a Armas Diminui Taxa de Homicídios

Por Joene Hendry

NOVA YORK (Reuters Health) - O fator mais significativo na queda dos homicídios nos Estados Unidos entre 1994 e 1999 foi o esforço feito para tirar as armas das mãos dos jovens, disse um especialista em violência na segunda-feira.

A equipe do professor Alfred Blumstein, diretor do National Consortium on Violence Research (Consórcio Nacional para Pesquisa sobre Violência), analisou os fatores que contribuíram para o aumento significativo do número de homicídios entre 1985 e 1993 e a queda subsequente da taxa de homicídios entre 1994 e 1999.

Blumstein apresentou os resultados do trabalho durante a convenção do Institute for Operations Research and Management Sciences, em Santo Antônio, Texas.

"Durante o período de ascensão, houve um processo de contágio no acesso às armas de mão", disse Blumstein à Reuters Health. Os fatores que afetaram esse aumento incluem o aumento do uso de crack e a habilidade dos vendedores em atrair jovens desempregados que usaram armas como proteção para vender drogas. "As estatísticas de prisão por porte de armas de pessoas com menos de 24 anos aumentaram sensivelmente entre 1985 e 1993", disse Blumstein.

Segundo o pesquisador, desde então houve um aumento nos esforços para reduzir o acesso às armas de pessoas suscetíveis a usá-las de forma irresponsável e para limitar o tráfico ilegal de armas. Segundo Blumstein, o ordenamento do Brady Bill em 1994 e o aumento das investigações sobre o uso de armas ilegais, assim como atividades de reforço legal e comunitário para limitar o uso das armas, trabalharam juntos para diminuir a taxa de homicídio.

Para manter o declínio das taxas de homicídios, "a prevenção poderia ser o principal impulso na população mais jovens", disse Blumstein à Reuters Health.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: