Publicidade

Notícias de saúde

Novas Abordagens Para o Tema Alcoolismo

Estudo desenvolvido nos Estados Unidos constatou que 77% acreditam que o alcoolismo é hereditário. Para Paul Manowitz, coordenador do projeto, a informação é muito importante para definir estratégias de tratamento da doença.

Pesquisa

Apresentado num encontro da Sociedade Americana de Genética Humana, na Filadélfia, o estudo apresentou o resultado da opinião de mais de mil indivíduos adultos distribuídos em todo o país americano. Na ocasião, ele comentou que existem vários estudos sobre o alcoolismo em andamento nos EUA para determinar gens que possam ser responsáveis pela doença.

Embora não tenha surgido a descoberta do gens, é possível, segundo Manowitz, que em breve, os cientistas cheguem a descobertas importantes através da área genética; pois existem várias pesquisas em andamento apoiadas pelo Governo.

Fatores mais importantes

No questionário foram colocados aos entrevistados quatro fatores: incluindo o hábito de beber dos pais da pessoa durante seu crescimento, uma vida familiar atual infeliz, a constituição biológica da pessoa ou genética e uma situação ruim de trabalho. Os entrevistados com mãe ou pai alcoólatras foram os que mais apontaram a causa genética.

Nos EUA, Manowitz afirmou que o alcoolismo e problemas relacionados afetam cerca de dez por cento dos homens e cinco por cento das mulheres.

Copyright © 2000 eHealth Latin America

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: