Publicidade

Notícias de saúde

Sair ou trabalhar à noite pode engordar

27 de setembro de 2013 (Bibliomed). Pessoas que trabalham a noite ou que têm uma vida noturna agitada podem ingerir até 500 calorias diárias a mais do que quem trabalha ou sai durante o dia.

A conclusão é de pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade da Pensilvânia, que realizaram um estudo que envolveu 225 pessoas com idades entre 22 e 50 anos que foram acompanhadas por 18 dias em um laboratório de sono.

Os voluntários puderam assistir televisão, ler, jogar videogames e realizar outras atividades sedentárias, mas não foram autorizados a se exercitarem. Foram servidas refeições programadas, mas havia comida disponível na cozinha do laboratório para que os participantes comessem sempre que tivessem vontade.

Os resultados mostraram que aqueles que passaram a maior parte da noite acordados e que iam dormir de madrugada ganharam mais peso do que aqueles que dormiam cedo.
O estudo encontrou um aumento global na ingestão calórica durante a restrição do sono, que ocorreu devido a um aumento no número de refeições consumidas durante o período em que ficaram acordados, especialmente durante a noite. Além disso, a proporção de calorias consumidas a partir de alimentos gordurosos foi maior durante a madrugada do que em outros momentos do dia.

Os pesquisadores explicam que, quando um adulto restringe seu sono, atrasando a sua hora de dormir e ficando acordado até de madrugada, ele está em maior risco para ganho de peso porque consomem uma quantidade substancial de comida e bebida à noite, que é mais rica em gordura do que o alimento e a bebida consumidas durante a manhã, a tarde ou a noite.

O estudo foi publicado na revista Sleep.

Fonte: UPI, 25 de setembro de 2013

Horário para dormir é importante para o desenvolvimento da criança. Leia em Boa Saúde

Veja porque o sono é tão importante em Bibliomed

 

Copyright © 2013 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: