Publicidade

Notícias de saúde

Aumenta número de casos de coqueluche no Brasil

02 de setembro de 2013 (Bibliomed). Em 2008, 83 crianças brasileiras faleceram por causa da coqueluche, sendo que destas, 80 tinham menos de um ano de idade, fase considerada de maior risco para a doença. De 2010 a 2013, o número de crianças infectadas aumentou em dez vezes.

Em 2012, a coqueluche afetou 5.500 crianças, e no primeiro semestre deste ano, foram contabilizados 3.000 casos. A estratégia correta para prevenir a coqueluche é a vacinação de todas as pessoas com contato íntimo com crianças, especialmente com as menores de 12 meses de vida.

Análises dos casos mostraram que 75% das contaminações ocorrem devido ao contado com familiares. Por isso, os médicos defendem que é necessário imunizar pediatras, familiares, babás e cuidadores, a fim de evitar que os adultos contribuam para a transmissão da doença.

Para os especialistas, o maior problema é a falta de diagnóstico nos adultos, que por vezes é tratada como tosse alérgica ou bronquite, entre outras doenças. Além disso, não há disponibilidade gratuita de vacinação contra a coqueluche para todos que lidam com crianças, mas Governo Federal oferecerá o benefício para gestantes no decorrer do segundo semestre de 2013.

A vacinação é um dos temas da 1ª edição do Congresso Sul-Riograndense de Especialidades Pediátricas, que ocorreu no Rio Grande do Sul, de 23 a 24 de agosto de 2013.

Fonte: Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul, 23 de agosto de 2013

Saiba mais sobre a coqueluche em Boa Saúde

Coqueluche infantil tem maior incidência entre minorias étnicas. Leia em Bibliomed

Copyright © 2013 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: