Pesquisa busca voluntários para testar vacina contra o ‘amarelão’

Comentar

Saúde da família Tecnologia

Pesquisadores do Centro de Pesquisas René Rachou, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em parceria com a Universidade George Washington, o Instituto Sabin de Vacinas e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), estão desenvolvendo uma vacina contra o ancilostomídeo, verme causador da doença do amarelão.

O amarelão atinge cerca de 500 milhões de pessoas no mundo, e causa desnutrição, anemia, desânimo para o trabalho, déficit cognitivo e dificuldades de aprendizagem em crianças e, em casos mais graves, pode levar à morte.

Agora, os pesquisadores buscam voluntários com idade entre 18 e 45 anos, moradores da Região Metropolitana de Belo Horizonte, para participarem como voluntários nos primeiros testes em humanos. O objetivo é avaliar a confiabilidade e a tolerabilidade do produto. Renata Caldeira Diniz, da Fiocruz, afirma que os voluntários não correm o risco de contrair a doença.

Os interessados podem fazer contato por email (projetovacinabh@cpqrr.fiocruz.br) ou pelo telefone (31) 3409-9181.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>