Publicidade

Artigos de saúde

Receitas caseiras para dormir melhor

© Equipe Editorial Bibliomed

Neste Artigo:

- Você sofre de insônia?
- Quantas horas de sono você necessita?
- O que dificulta o sono?
- Receitas caseiras para "pegar no sono"
- Banho morno antes de deitar,
- Orientações para melhorar o sono de seu filho:

Você sofre de insônia?

A insônia pode ocorrer em 3 fases distintas do sono. A insônia, que ocorre no começo da noite, sugere um quadro de ansiedade. Em geral, são pessoas que se deitam pensando nos problemas e têm dificuldade para relaxar. Há insônias que se manifestam no meio da noite. Nesse caso a pessoa acorda várias vezes, embora não saiba o motivo. Finalmente, há as pessoas que dormem logo, acordam pouco durante a noite, mas acordam cansadas e antes do horário normal. São aqueles que despertam pela madrugada e ficam rolando na cama até o sol raiar. Uma das causas mais comuns desse tipo de insônia é a depressão.

Quantas horas de sono você necessita?

Existem variações de acordo com a idade e a natureza de cada pessoa, mas de uma maneira geral, podemos nos basear na tabela abaixo:

Recém-nascido 

= aproximadamente 16 horas de sono

De 1 a 3 anos

= 12 a 15 horas de sono

De 3 a 7 anos

= 10 a 11 horas de sono

De 7 a 12 anos

= 9 a 10 horas de sono

Adolescentes 

= 8 a 9 horas de sono

Adultos 

= 7 a 8 horas de sono

Idosos 

= 5 a 7 horas de sono

O que dificulta o sono?

Já tratamos deste tema em outros artigos, mas resumidamente existem várias patologias ou situações que dificultam o sono, por exemplo, a apnéia, a temperatura ambiente, o uso de bebidas alcoólicas e alimentos estimulantes ou com cafeína (café, chocolate, chá-mate ou preto, refrigerantes à base de cola e de guaraná, ginseng), tabagismo, pesadelos, terror noturno (que ocorre em crianças) e ruídos no ambiente.

Receitas caseiras para "pegar no sono"

Existem várias dicas para ajudar a pegar no sono. Aí vão algumas:

Banho morno antes de deitar,

Tomar um copo de leite quente antes de dormir (o leite contém triptofano, um aminoácido precursor da serotonina, um neurotransmissor associado ao sono),

Colocar gotas de lavanda no travesseiro, melhora o sono (os princípios ativos, linalol e o acetato de linalina, penetram no organismo pela respiração, atingem o sistema límbico no cérebro e a corrente sangüínea, relaxando a pessoa e facilitando o sono),

Tomar um chá antes de dormir (como o de melissa, passiflora, valeriana, camomila e tília).

Medicamentos naturais, utilizando ervas medicinais, como a melissa, passiflora, valeriana, camomila e tília também podem ser usadas. Mas não se deve esquecer que seu médico deve ser informado de seu uso, para que não exista uma superposição de medicamentos no receituário médico. Embora sejam vendidos sem receita e não levem a dependência, são igualmente medicamentos e não devem ser usados indiscriminadamente e muito menos em crianças, sem que o pediatra tenha conhecimento.

Orientações para melhorar o sono de seu filho:

  • Uma criança, a partir dos 6-7 meses deve começar a dormir sozinha, sem choro e o sono deve ter uma duração de aproximadamente 11 a12 horas seguidas, sem interrupções.
  • Utilizar um bicho de pelúcia como "amigo acompanhante" (objeto transicional).
  • Dormir em seu próprio berço,
  • Deixar uma luz acesa, para que a criança se localize e não se encontre perdida no meio da noite. Isto é recomendado principalmente para as crianças que sofrem de terror noturno

Copyright © 2008 Bibliomed, Inc.                                        11 de fevereiro de 2008



Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: