Publicidade

Artigos de saúde

O que é um ataque de pânico?

© Equipe Editorial Bibliomed

Neste Artigo:

- O que é a síndrome do pânico?
- O que é agorafobia?
- Qual a incidência da síndrome do pânico?

O ataque de pânico não é uma entidade patológica, podendo ocorrer isoladamente sem maiores repercussões em até 15% da população geral. Estes episódios isolados podem ocorrer em diversas situações: em pessoa saudável após situação de extremo perigo, num indivíduo que é exposto a um objeto ou situação em relação à qual ele sente intenso medo (fobia), durante uso ou abstinência de drogas (cocaína, maconha, álcool), privação de sono prolongada, abuso de cafeína ou psico-estimulantes.

O ataque de pânico é definido como um episódio súbito de medo ou pavor, que se acompanha de pelo menos quatro dos seguintes sintomas:

  • Sudorese intensa;
  • Palpitações ("batedeira");
  • Tremores;
  • Sensação de falta de ar ou sufocamento;
  • Dor ou desconforto no peito;
  • Enjôos ou desconforto no abdome;
  • Tontura, vertigem, desmaio;
  • Sensação de despersonalização ou desrealização (a pessoa perde a noção de indivíduo);
  • Medo de perder o controle, de enlouquecer ou de morrer;
  • Parestesias: sensações diferentes, como formigamento;
  • Calafrios e ondas de calor.

Após o ataque, a pessoa apresenta uma sensação de extremo cansaço e relaxamento, sendo descrito por algumas pessoas como sendo uma "bateria descarregada".

O que é a síndrome do pânico?

A síndrome do pânico é uma doença caracterizada pela recorrência de ataques de pânico, com as características citadas acima, os quais acabam exercendo grande impacto negativo na vida da pessoa. Nessa doença, os ataques ocorrem espontaneamente, não estando associados a nenhum fator desencadeante. Além disso, as pessoas acometidas sofrem de intenso medo de sofrer novos ataques, o que faz com que elas modifiquem toda sua vida, tentando evitar os ataques no meio de outras pessoas.

A síndrome do pânico costuma iniciar-se após os 20 anos de idade, acometendo igualmente homens e mulheres. De uma forma geral, essas pessoas são bastante produtivas, costumam assumir grandes responsabilidades, são exigentes consigo mesmas e não costumam lidar bem com erros e imprevistos. Além disso, gostam de estar no controle das situações, sendo bastante competentes e confiáveis.

Assim, elas são mais predispostas a situações de forte estresse, o que pode levar à hiperatividade de certas regiões do cérebro, desencadeando distúrbios nas substâncias de comunicação entre os neurônios e, consequentemente, levando ao ataque de pânico. Apesar disso tudo, essas pessoas não costumam aceitar o fato de apresentarem a síndrome, demorando a buscar o tratamento adequado.

O que é agorafobia?

A agorafobia é uma característica que pode ou não estar associada aos ataques de pânico. Ela é definida como um medo intenso de lugares ou situações de onde possa ser difícil ou embaraçoso escapar, ou então onde o socorro pode ser dificilmente obtido, caso ocorra um novo ataque de pânico.

Qual a incidência da síndrome do pânico?

A síndrome do pânico afeta pessoas do mundo inteiro, sendo estimada uma prevalência de 2 a 4% da população mundial. Assim, ela já é considerada um importante problema de saúde. Em conjunto com as fobias ("medos"), essa síndrome é uma dos principais motivos que levam as pessoas a procurar um psiquiatra, sendo considerada a segunda queixa emocional mais comum (a primeira é a depressão).

Uma das explicações para essa grande prevalência seria o aumento do nível de ansiedade das pessoas, no mundo moderno. Esse estado prolongado de ansiedade leva ao estresse, predispondo o indivíduo à ocorrência dos ataques de pânico.

Foi observada a ocorrência de síndrome do pânico em maior freqüência em algumas famílias, sugerindo a participação de fatores hereditários na determinação dos indivíduos suscetíveis a desenvolvê-la. Porém, deve-se lembrar que muitas pessoas desenvolvem esse transtorno mesmo na ausência de outros familiares afetados.

Copyright © 2007 Bibliomed, Inc.                                        10 de outubro de 2007



Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: