Publicidade

Artigos de saúde

Verrugas genitais

© Equipe Editorial Bibliomed

Neste artigo:

- Introdução
- Sintomas
- Diagnóstico
- Tratamento
- Prevenção

"As verrugas genitais são lesões semelhantes a couve-flor que aparecem nas áreas genital e anal do corpo. Elas são também chamadas de condiloma acuminado, verrugas venéreas, condiloma plano, papilomavírus humano (HPV), ou verrugas por papovavírus".

Introdução

Como outras verrugas, as verrugas genitais são causadas por um vírus. As verrugas genitais podem ser passadas entre pessoas pelo ato sexual. Elas são mais contagiosas, ou mais facilmente disseminadas, que outras verrugas. As verrugas genitais são normalmente vistas somente de um a seis meses depois de uma pessoa ter sido infectada, porém, é possível estar infectado com o vírus e não apresentar verrugas visíveis.

Sintomas

Em mulheres, verrugas secas, indolores, e semelhantes a couve-flor podem crescer na vulva (a parte externa visível de órgãos genitais femininos), no colo do útero, dentro da vagina, ou em torno do ânus. Em homens, as verrugas podem crescer na ponta ou no corpo seta do pênis e às vezes no escroto, na uretra (o tubo que leva a urina para fora do corpo), ou em torno do ânus.

As verrugas genitais são normalmente firmes, ásperas, e de cor branco-acinzentada ou branco-rosada. Normalmente aparecem como elevações finas, flexíveis e sólidas da pele que parecem com pequenos pedaços de couve-flor. Algumas verrugas, porém, são pequenas e chatas e não são facilmente notadas.

Se deixadas sem tratar, as verrugas podem desaparecer sozinhas. Contudo, é mais provável que cresçam e formem maiores agrupamentos de verrugas semelhantes a couve-flor. A pessoa pode não ter nenhum sintoma ou ter irritação leve ocasional, queimação, coceira, dor, cheiro desagradável, dor durante a relação sexual, sensibilidade, secreção vaginal aumentada ou hemorragia.

As verrugas genitais podem ocorrer no colo do útero ou na vagina e podem não causar quaisquer sintomas notáveis. Porém, um exame de Papanicolaou pode mostrar mudanças celulares que sugerem uma infecção. A infecção do colo do útero pode aumentar o risco de câncer no colo do útero.

Diagnóstico

As verrugas genitais na pele são normalmente vistas e reconhecidas. Verrugas pequenas podem ser identificadas com o uso de um instrumento chamado colposcópio, que aumenta a área a ser examinada de modo que possa ser visto com maior proximidade e nitidez. Uma amostra de pele pode ser retirada para testes laboratoriais e ajudar a confirmar o diagnóstico. Normalmente, o exme de Papanicolau identifica a ifecção em mulheres. Já em homens, pode ser usada uma sonda com visor para procurar verrugas na bexiga ou uretra.

Tratamento

É muito importante que ambos os parceiros sexuais recebam tratamento se um apresentar verrugas genitais, pois ao se tratar apenas um, corre-se o risco de reinfecção daquele que fez o tratamento. As verrugas genitais são espalhadas por contato direto com a pele infectada.

Os principais métodos de tratamento são:

- Remoção cirúrgica das verrugas.
- Remoção das verrugas por congelamento (crioterapia).
- Vaporização das verrugas com laser.
- Queimadura das verrugas (eletrocautério).
- Aplicar uma substância química diretamente sobre verrugas externas (não internas). Tratamento químico envolve visitas clínicas ou ambulatoriais uma ou duas vezes por semana durante seis semanas. Estes tratamentos normalmente causam algum desconforto, queimação e são freqüentemente falhos (as verrugas retornam em 70% das vezes). Este tratamento não pode ser usado em mulheres que estejam grávidas ou que suspeitam estar.

Pode ser necessário aplicação de anestesia local durante alguns destes tratamentos. A remoção das verrugas não retira o vírus do organismo e, portanto, as verrugas podem retornar. Se as verrugas reaparecem, precisam ser removidas novamente.

Prevenção

A prevenção das verrugas inclui:

- Manter a área genital limpa e seca.
- Não arranhar as verrugas.
- Evitar atividade sexual até que as verrugas sejam completamente curadas.
- Usar preservativos durante a relação sexual. Os preservativos podem reduzir o risco de contaminação, embora essas possam estar em áreas não cobertas pelo preservativo.
- Lavar suas mãos completamente depois de tocar a área com verrugas.

Copyright © 2018 Bibliomed, Inc. 12 de setembro de 2018



Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: