Publicidade

Artigos de saúde

Informações Sobre Colíte Ulcerativa e Hemorróida

A colite ulcerativa é uma doença inflamatória crônica do cólon e do reto, caracterizada por remissões e exacerbações. O sintoma predominante é a diarréia sanguinolenta.

A proctoscopia constitui o exame mais importante para o estabelecimento do diagnóstico e para o acompanhamento do curso de tratamento, já que o comprometimento do reto é essencialmente universal.

As etiologias infecciosas devem ser excluídas. Um enema de bário é útil na determinação da extensão do comprometimento, mas pode exacerbar a doença, nunca devendo ser realizado durante um episódio agudo. Os pacientes com recaídas freqüentes, apesar do tratamento, ou com doença fulminante freqüentemente necessitarão de cirurgia.

A proctocolectomia total é curativa. Um dos principais riscos da colite ulcerativa de longa data é o desenvolvimento de câncer do cólon.

As Hemorróidas

As hemorróidas trombosadas externas se iniciam subitamente com dor. Elas aparecem como protuberâncias azuladas tensas e recobertas por pele. Se a dor for intensa, o alívio é obtido através da exérese da veia trombosada, sob anestesia local.

Se a dor for leve ou diminuir, o paciente pode usar analgésicos orais, banhos de assento (sentar em água morna), amaciantes de fezes e emolientes tópicos.

As hemorróidas internas comumente se apresentam com hemorragia ou massa em prolapso. A dor não é comum. As partes superiores são recobertas por mucosa avermelhada. O tratamento é descrito a seguir.

1. Agentes formadores de bolo fecal, como fibras, são úteis na prevenção do esforço à evacuação.

2. Os banhos de assento, durante 15 minutos, 2 vezes ao dia, são úteis para o alívio da inflamação e para a higiene. Tucks Pads (algodão molhado em hamamélis) também proporcionam alívio sintomático.

Fonte: Manual de Terapêutica Clínica - 28a. Ed. - 1996.

Copyright © 2000 eHealth Latin America



Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: