Notícias de saúde

Máscaras não atrapalham a respiração

08 de abril de 2021 (Bibliomed). Muitas pessoas afirmam que temem usar máscaras por medo de atrapalhar a respiração. Contudo, um novo estudo realizado em Ohio, nos Estados Unidos, mostrou que o uso de máscaras cirúrgicas ou de tecido não prejudica a respiração.

Tal conclusão foi baseada em testes de 50 adultos com idade média de 33 anos, com e sem máscaras. Quase um terço disse ter uma condição crônica de saúde, como asma.

A frequência cardíaca, os níveis de oxigênio e os níveis de dióxido de carbono dos voluntários foram medidos durante seis testes de 10 minutos: Sentado quieto e andando rapidamente sem máscara; enquanto está sentado quieto e, em seguida, caminha rapidamente enquanto usa uma máscara de pano; e ao sentar-se quieto e, em seguida, caminhar rapidamente enquanto usa uma máscara cirúrgica.

Nenhum dos participantes desenvolveu um baixo nível de oxigênio ou um alto nível de dióxido de carbono no sangue enquanto descansava ou caminhava com uma máscara.

Os pesquisadores explicam que o risco de desenvolver níveis significativamente anormais de oxigênio ou dióxido de carbono enquanto mascarado é próximo a zero para a população em geral. Eles destacam que as máscaras ajudam a prevenir a disseminação do COVID-19, mas entendem que as pessoas se preocupam com o desconforto ou com a respiração prejudicada ao usá-las.

Para os autores, os resultados desse estudo podem servir para tranquilizar as pessoas, mostrando que o corpo é perfeitamente capaz de conseguir os níveis necessários de oxigênio, mesmo com o uso das máscaras.

Fonte: PLOS ONE. DOI: 10.1371/journal.pone.0247414.

Copyright © 2021 Bibliomed, Inc.

Copyright © 2021 Bibliomed, Inc.

Veja também

Faça o seu comentário
Comentários