Supermães podem sofrer com falta de apoio no local de trabalho

Comment

Maternidade

Supermães que também trabalham podem exigir demais de si mesmas e acabarem prejudicando a sua saúde emocional. Um novo estudo desenvolvido na Universidade de Washington (EUA) afirma que mulheres que se pressionam demais quanto ao desempenho como mãe e profissional apresentam mais sintomas de depressão, ao contrário de mães que são mais indulgentes.

“Designar um ideal de que mulheres podem fazer tudo na verdade aumentou o nível de sintomas depressivos quando comparado a mulheres que eram mais céticas quanto (a questão de) se trabalho e família podem ser equilibrados”, diz a pesquisadora Katrina Leupp.

Os pesquisadores afirmam que os resultados do estudo podem ser uma reflexão de como as expectativas das mulheres quanto ao local de trabalho (e o apoio oferecido por ele às mães) não correspondem à realidade. Eles apontam que para lidar melhor com a frustração, as mulheres deveriam controlar seu otimismo em relação à conciliação entre carreira e maternidade.

E você? Concorda com a conclusão do estudo ou acredita que os locais de trabalho devem oferecer mais apoio às mães? Deixe sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *