Publicidade

Notícias de saúde

Medicamento para colesterol pode reduzir risco de câncer

25 de outubro de 2012 (Bibliomed). Pesquisa da Clinica Mayo, nos Estados Unidos, apresentada no American College of Gastroenterology 77th Annual Scientific Meeting and Postgraduate Course, que ocorreu em Las Vegas, EUA, de 19 a 24 de outubro, mostra que o uso de estatinas (medicamentos utilizados para baixar o colesterol) pode ajudar na prevenção do risco de câncer de esôfago, especialmente naquelas pessoas que sofrem com Esôfago de Barrett.

Esôfago de Barrett é uma complicação da doença do refluxo gastroesofágico, condição pré-cancerosa em que o revestimento do esôfago, o tubo que transporta os alimentos da garganta para o estômago, está danificado pelo ácido estomacal, o que aumenta o risco de adenocarcinoma, o tipo mais comum de câncer de esôfago.

As taxas de sobrevivência para esse tipo de câncer é baixa, o que aumenta a necessidade de prevenção. O estudo combinou dados de 13 pesquisas que envolveram mais de 1,1 milhões de pacientes, dos quais 9.285 tinham câncer de esôfago.  Os resultados mostraram que o uso de estatinas diminuiu em até um terço o risco de câncer de esôfago. Além disso, o estudo mostrou, também, que pessoas com Esôfago de Barrett que usam estatina e aspirina têm 72% menos chances de desenvolver tumores no órgão.

Fonte: UPI, 22 de outubro de 2012.

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: