Publicidade

Notícias de saúde

Exposição à violência têm efeitos a longo prazo

10 de julho de 2012 (Bibliomed). Crianças saudáveis expostas á violência demonstram respostas positiva ao estresse um ano após a exposição, afirmam pesquisadores norte-americanos e britânicos.

Elizabeth Susman, da Pennsylvania State University, nos Estados Unidos, e seus colegas do University College de Londres, no Reino Unido, recrutaram 124 adolescentes, com idades entre oito e 13, que viviam em cidades pequenas e comunidades rurais, que normalmente não estavam expostos à violência. Esses jovens eram saudáveis e sem históricos de maus-tratos relatados.

Os pesquisadores identificaram a exposição dos adolescentes à violência nos 12 meses do estudo. Esses jovens foram submetidos a uma tarefa estressante e, posteriormente, a uma de subtração serial. 

A equipe mediu as respostas dos jovens, comparando o estresse através da medição dos níveis de cortisol (hormônio do estresse) presentes em amostras de saliva coletadas antes e após a aplicação dos testes.

Os resultados mostraram que a exposição à violência aumentou mais o estresse nos participantes do sexo masculino, mas a reatividade do cortisol diminuiu. O mesmo não pôde ser observado nas participantes do sexo feminino, o que indica que as mulheres podem reagir a situações estressantes reduzindo os efeitos negativos do estresse na corrente sanguínea.

O estudo foi publicado no Journal of Adolescent Health.

Fonte: UPI, 08 de julho de 2012

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: