Publicidade

Notícias de saúde

Preconceito contra a obesidade entre crianças com 10 anos

19 de agosto de 2009 (Bibliomed). Uma criança com maior peso corpóreo é vítima de preconceito? Existem poucos estudos populacionais abordando a ocorrência de preconceito entre as crianças em relação à obesidade e à magreza.

Um estudo realizado no Instituto Karolinska (Suécia) e publicado no periódico Acta Paediatrica em seu número de Julho de 2009 avaliou o preconceito de crianças de ambos os sexos contra vários tipos de corpo. A amostra consistiu em crianças com 10 anos de idade.

As crianças foram mais propensas a relatar preconceito contra obesidade e magreza do que contra o peso corporal médio. O risco de sofrer preconceito variou com o sexo e com o peso corporal. Não houve associação entre o próprio peso corporal e o preconceito contra outros perfis de peso corporal. As crianças com padrão socioeconômico mais elevado tiveram uma maior propensão a ter preconceito contra a obesidade do que aquelas com baixo nível socioeconômico

O estudo mostrou que as crianças com 10 anos carregam atitudes estereotipadas e têm preconceito contra a obesidade e contra a magreza. Curiosamente, o próprio peso não influenciou a ocorrência de preconceito.

Fonte: Acta Paediatrica, Volume 98, Issue 7, 2009, Pages 1176-1182.

Copyright © 2009 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: