Publicidade

Notícias de saúde

Amamentar pode reduzir os riscos de câncer de mama

26 de janeiro de 2009 (Bibliomed). Além de todos os benefícios conhecidos da amamentação para o bebê, dar de mamar ao filho por mais tempo pode proteger as mulheres contra o desenvolvimento de tumores mamários, segundo estudo da Universidade Thomas Jefferson, nos Estados Unidos.

O estudo acrescenta evidências a um crescente corpo de estudos que indica uma relação inversa entre a amamentação e o câncer de mama. Um estudo publicado em agosto na revista Cancer, por exemplo, que avaliou mais de 2 mil mulheres com idades entre 55 e 79 anos, indicou que o câncer sensível ao estrogênio era 20% menos comum em mulheres que amamentavam por seis meses ou mais. E uma revisão de mais de 7 mil estudos, realizado pelo Fundo Mundial para Pesquisas de Câncer no ano passado, sugere que a lactação por um ano pode reduzir os riscos de câncer de mama em até 5%.

De acordo com os cientistas que responsáveis pelo novo estudo, mulheres que amamentam por dois anos têm significativamente menor risco de desenvolver câncer de mama mais tarde. Porém seria difícil determinar as causas desse benefício pela falta de um modelo animal adequado de lactação mais prolongada.

Na pesquisa, os cientistas demonstraram que camundongos com deficiência em caveolina 3, que é expressa em algumas células mamárias, tinham um “fenótipo constitutivo de lactação”. Esses animais também pareciam estar mais protegidos contra a formação de tumores na mama e a disseminação desses tumores para o pulmão, podendo servir de modelo para o estudo de abordagens preventivas ou tratamento para o câncer de mama em humanos.

“Uma estratégia terapêutica baseada na lactação ofereceria uma abordagem mais natural e não-tóxica para o desenvolvimento de importantes terapias anti-câncer. Nesse sentido, a redução dos níveis da caveolina 3 na glândula mamária pode representar uma nova estratégia terapêutica para prevenir o início dos cânceres de mama humanos”, concluíram os especialistas.

Fonte: American Journal of Pathology. Fevereiro de 2009.

Copyright © 2009 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: