Publicidade

Notícias de saúde

Papa Diz a Cientistas que Clonagem é Moralmente Inaceitável

ROMA (Reuters) - O papa João Paulo disse na terça-feira que louvava a dedicação da ciência em preservar a vida humana, mas descreveu como "moralmente inaceitável" qualquer forma de clonagem de embrião humano ou comercialização de transplantes de órgãos.

Discursando numa conferência internacional sobre técnicas de transplante, o papa disse que o respeito pela vida humana deveria ser o princípio fundamental que determina o limite da experimentação científica.

"Todo procedimento médico aplicado no ser humano é sujeito a limites: não apenas limites sobre o que é tecnicamente possível, mas também limites determinados pelo respeito pela natureza humana", disse o pontífice de 80 anos num raro discurso público.

"Não é só porque é tecnicamente possível que algo é moralmente admissível", acrescentou.

Observadores do Vaticano disseram que o discurso de 20 minutos foi inusitado porque o papa decidiu sair de seu retiro de verão só para fazê-lo.

Seu discurso coincide com o debate étnico surgido com a decisão da Grã-Bretanha, tomada no início do mês, de permitir a clonagem de embriões humanos para propósitos de pesquisa.

Joaquin Navarro-Valls, porta-voz do papa, disse a jornalistas que o papa decidiu fazer o discurso por considerar o assunto de extrema importância.

"Os transplantes são um grande passo adiante no serviço que a ciência oferece ao homem, e não são poucas as pessoas que hoje devem suas vidas a transplantes de órgãos", disse o papa para uma multidão de 2.000 cientistas, pesquisadores, sacerdotes e católicos.

" (Mas) qualquer procedimento que tende a comercializar órgãos humanos ou a considerá-los como itens de troca ou comércio deve ser considerado moralmente inaceitável", ele acrescentou.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: