Publicidade

Notícias de saúde

China Aprova Uso de Teste Anti-HIV de Urina

LOS ANGELES (Reuters) - As ações da empresa Calypte Biomedical Corp triplicaram na sexta-feira depois do anúncio de que a China aprovou seu teste de urina para detectar o vírus HIV, causador da Aids.

As ações da Calypte fecharam em alta de 2,88 dólares cotadas a 4,38 de dólares, com quase 22 milhões de papéis negociados na Nasdaq.

Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), 500 mil chineses são portadores do HIV.

O teste de urina para o HIV-1 (cepa mais comum), chamado Alameda, foi aprovado pela Food and Drug Administration (FDA), órgão do governo norte-americano que regula drogas e alimentos, em 1996. Mas até 1998 a presença do vírus precisava ser ratificada por um teste de sangue.

O teste de urina mede o nível de IgA, um anticorpo que reage ao HIV e é liberado por células do sistema imune. O teste de sangue mede o anticorpo IgG, que está presente em concentrações entre 10 e 20 vezes maiores que o IgA.

Segundo a Calypte, as vantagens do teste de urina sobre o teste de sangue são que não há necessidade de treinamento médico para a coleta, e muitas pessoas em países pobres têm medo de agulhas sujas. Além disso, profissionais da saúde não ficam em risco de contrair o vírus em acidentes com agulhas infectadas, e a urina pode ser conservada em temperatura ambiente por semanas.

Em 1999, os lucros da Calypte foram de 3,7 milhões de dólares, em relação a 951 mil de 1998.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: