Publicidade

Notícias de saúde

Desarmamento diminui criminalidade

02 de fevereiro de 2007 (Bibliomed).A violência representa hoje uma das principais responsáveis pelo aumento da mortalidade em todo o mundo, principalmente entre os jovens. E o que nos é apresentado, através das notícias ou mesmo por nossa própria experiência, é um crescimento cada vez maior, caso as medidas realmente eficazes não sejam rapidamente instituidas.

Um artigo publicado no BMJ, em fevereiro deste ano, traz uma solução para a diminuição dessa mazela: o desarmamento promovido na Austrália.

De acordo com a publicação, após o ano de 1996, em que houveram muitos tiroteios na região da Tasmânia, os estados australianos decidiram adotar táticas para o desarmamento da população, criando novas leis anti – armas. Aproximadamente 600 000 pistolas semi – automáticas e rifles, foram comprados de lojas redistribuidoras e posteriormente destruídos. Conscientizada, a população entregou centenas de outras armas, voluntariamente.

Dez anos após essa iniciativa, nota-se uma diminuição de praticamente metade do número de homicídios e suicídios e a não ocorrência de tiroteios. Além disso, houve uma mudança do comportamento e opinião da população australiana, que se tornou contrária ao armamento.

Práticas como essa mostram que é possível reduzir o número de mortes devido à criminalidade e a violência. O emprego das mesmas é algo que deve ser incentivado em todos os países, de modo a se evitar a perpetuação desse problema que aflige a sociedade atualmente.

Fonte: BMJ  2007; 334:284 (February, 2007)

Copyright © 2007 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: