Publicidade

Notícias de saúde

Como você gostaria de saber que seu parceiro tem uma DST?

08 de setembro de 2006 (Bibliomed). Como informar a uma pessoa que seu parceiro é portador de uma doença sexualmente transmissível (DST)?

Pesquisadores britânicos procuraram avaliar de que maneira as pessoas preferem ser notificadas, em relação à ocorrência de uma doença sexualmente transmissível, em seus parceiros.

Os investigadores, da Derbyshire Royal Infirmary, de Derby, no Reino Unido, fizeram uma pesquisa com 2544 indivíduos, que procuraram três diferentes clínicas de sexologia naquele país, perguntando a eles acerca de vários métodos de notificação de uma DST aos seus parceiros, e se eles acreditavam que esses métodos seriam bons ou ruins.

Aproximadamente dois terços do grupo pesquisado disse que gostaria de saber a respeito da ocorrência de uma DST no parceiro diretamente, através do próprio parceiro, ao invés de ser notificado por um profissional de saúde.

Outras formas de abordagem não foram bem recebidas por muitos dos indivíduos pesquisados. Uma das formas de contato, através do telefone, informando acerca de uma doença sexualmente transmissível no parceiro, foi considerada como "boa" por apenas 40% dos participantes; a estratégia que recebeu a pior avaliação foi a notificação através de um e-mail, considerado como um método "ruim" por 67% dos indivíduos pesquisados.

A nova pesquisa foi publicada na revista Sexually Transmitted Infections.

Fonte: Sexually Transmitted Infections 2006;82:327-329

Copyright © 2006 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: