Publicidade

Notícias de saúde

Dor lombar crônica associada a alterações cerebrais

24 de novembro de 2004 (Bibliomed). O papel da dor em condições de dor crônica permanece sendo pouco estudado. Pesquisadores da Northwestern University Feinberg School of Medicine compararam a morfologia dos cérebros de 26 pacientes portadores de dor lombar crônica ao cérebro de pessoas sem dor, e que apresentassem as mesmas características físicas.

Segundo o estudo, publicado na revista Journal of Neuroscience, a dor provoca uma diminuição da atividade de uma região cerebral, o tálamo, podendo ocorrer alterações que se tornariam irreversíveis, inclusive com atrofia cerebral; estas alterações acabariam por tornar menos eficazes os tratamentos realizados pelos pacientes.

Em suas conclusões, os investigadores acreditam que a dor crônica pode fazer encolher determinadas regiões do cérebro associadas à capacidade de decisão e ao comportamento social, e, por isso defendem que a dor deva ser tratada precocemente, prevenindo estas alterações permanentes.

 

Fonte: The Journal of Neuroscience, November 17, 2004, 24(46):10410-10415

Copyright © 2004 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: