Publicidade

Notícias de saúde

Crianças com câncer terminal: deve-se conversar sobre a morte com filhos doentes?

21 de setembro de 2004 (Bibliomed). Uma questão difícil se coloca diante de pais cujos filhos pequenos sofrem de doenças terminais malignas: deve-se ou não falar sobre a morte com crianças?

Um estudo sueco publicado na última edição da revista The New England Journal of Medicine descreve os resultados de uma série de entrevistas padronizadas sobre o tema realizadas com cerca de 500 famílias recrutadas durante o ano de 2001, e que tinham filhos doentes, sofrendo de doença terminal.

Entre as famílias analisadas, os pesquisadores verificaram que pais com crença religiosa tiveram uma maior abertura em relação a conversar com os filhos a respeito da morte, notadamente sobre as idéias acerca da vida após a morte.

Segundo os pesquisadores responsáveis pela investigação, muitos dos pais que optaram por não conversar sobre a morte com seus filhos se arrependeram de tal postura mais tarde. Por outro lado, pais que conversaram sobre a morte com suas crianças geralmente não se mostraram ressentidos ou arrependidos por tê-lo feito.

Fonte: The New England Journal of Medicine Volume 351:1175-1186 September 16, 2004 Number 12

Copyright © 2004 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: