Publicidade

Notícias de saúde

Diminui a mortalidade pelo câncer de próstata na Europa e Estados Unidos

24 de Setembro de 2003 (Bibliomed). O câncer de próstata é uma das formas da doença mais disseminadas no mundo, com cerca de 550 mil novos casos registrados a cada ano e 204.313 mortes, segundo estimativas feitas pela Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer no ano 2000. O câncer de próstata é o tipo de câncer que mais afeta homens com mais de 50 anos. A doença mata 6.850 brasileiros por ano e responde hoje por 50% dos cânceres masculinos, segundo o Instituto Nacional do Câncer.

Agora, novas evidências revelam que a detecção precoce e os tratamentos hormonais reduziram significativamente a taxa de mortalidade pelo câncer de próstata na Europa Ocidental e na América do Norte nos últimos dez anos. Isto é o que revela um novo estudo apresentado ontem na cidade de Copenhague, durante a Conferência Européia sobre o Câncer.

O estudo revelou que após um lento crescimento nos anos 70 e 80, a taxa de mortalidade da doença baixou um terço desde 1990 na América do Norte e 20% na Europa Ocidental na faixa etária entre os 65 e os 74 anos.

Os pesquisadores informaram que a taxa de mortalidade tem baixado graças à detecção precoce, a intervenções cirúrgicas mais rápidas e a melhor radioterapia, mas as vantagens do tratamento hormonal têm sido subestimadas.

Copyright © 2003 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: