Publicidade

Notícias de saúde

Asma atinge 20% da população; aprenda a se prevenir

27 de Junho de 2002 (Bibliomed). A chegada do inverno favorece o aparecimento de doenças respiratórias, como a asma. A asma atinge dois em cada dez brasileiros e ainda não tem cura. Estima-se que 350 mil pessoas são hospitalizadas todos os anos para tratar as crises. Pelo menos duas mil acabam morrendo.

“O problema é que a maioria dos asmáticos não recebe tratamento adequado, nem conhece a doença. Não se deve esperar que a crise se agrave para procurar o médico”, alerta o presidente da Sociedade Mineira Pneumologia e Cirurgia Torácica, Luiz Fernando Pereira.

A asma é resultado da combinação entre predisposição genética e exposição a fatores alérgicos, como ácaros, mofo, fumaça de cigarro e poluição. A doença se caracteriza por uma inflamação da parede das vias aéreas, que ficam inchadas e passam a produzir mais secreções (muco). O resultado é o estreitamento das vias aéreas, que dificulta a passagem do ar até os pulmões. O paciente apresenta chiado, tosse, falta de ar e cansaço.

Apesar das crises de asma tenderem a se repetir, elas podem ser prevenidas e controladas com o uso de medicamentos que evitam o agravamento da doença e a ocorrência das crises, além de cuidados simples – mas fundamentais – com a higiene doméstica.

Confira as dicas:

· Mantenha os ambientes secos e abertos, permitindo a circulação de ar e a entrada de raios de sol;

· Incentive as crianças a brincar ao ar livre, agasalhando-as no tempo de frio;

· Encape colchões, travesseiros e almofadas com plástico ou tecidos impermeáveis;

· Troque a roupa de cama pelo menos uma vez por semana, lavando-a em água morna;

· Use cobertores antialérgicos, lavando-os regularmente e deixando ao sol para secar;

· Evite plantas, animais de estimação, bichinhos de pelúcia, tapetes ou carpetes, livros e brinquedos acumulados nos quartos;

· Lave as cortinas quinzenalmente;

· Substitua a vassoura por pano úmido na limpeza diária, afastando as pessoas alérgicas;

· Não use inseticidas em spray nem espiral;

· Aplique produtos antimofo e acaricidas em frestas e cantos dos móveis;

· Jamais fume dentro de casa, perto de crianças ou mesmo de adultos alérgico.

Mesmo com todos esses cuidados, as crises de asma podem acontecer. Neste caso, paciente e sua família devem se manter calmos e utilizar os medicamentos de alívio recomendados pelo médico. Se o tratamento não trouxer melhora ou a pessoa apresentar muita falta de ar, dificuldade para falar, suor intenso, palidez, lábios ou unhas arroxeados, procure a unidade de pronto-atendimento mais próxima.

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: