Publicidade

Notícias de saúde

Exploração sexual de crianças é tema de congresso

Belo Horizonte, 21 de Dezembro de 2001 (Bibliomed). Aproximadamente três mil pessoas participaram do 2º Congresso Mundial conta a Exploração Sexual Comercial de Crianças, que aconteceu em Yokohama, no Japão. O evento terminou ontem e os participantes analisaram os progressos conquistados desde o primeiro encontro, em Estocolmo, na Suécia, em 1996. Eles também definiram estratégias globais para deter o rápido desenvolvimento da exploração e tráfico de crianças para fins de prostituição e pornografia.

Recentemente, a Agência das Nações Unidas para a Infância (Unicef) realizou um estudo em que foi constatada a relação entre abuso sexual e aumento do número de casos de Aids entre crianças.

O tema foi amplamente discutido pelos participantes durante o congresso, já que o avanço da doença entre crianças é preocupante. Representantes da Unicef aproveitaram para pedir aos governos iniciativas para proteger meninos e meninas da exploração e da prostituição. Cerca de um milhão de crianças são forçadas a se prostituir.

Outros temas, como gravidez precoce e desenvolvimento de doenças sexualmente transmissíveis, foram debatidos. A organização do encontro quer que cada participante se conscientize dos direitos das crianças e contribua para melhorar suas condições de vida.

Participaram do Congresso 76 delegados e 21 organizações internacionais, 506 representantes de Organizações Não-Governamentais, 148 grupos ligados à saúde da criança, além de delegações do setor privado, entre outras.

A Diretora Executiva do Unicef, Carol Bellamy, participou da sessão de abertura do congresso e enfatizou a responsabilidade de cada país em reverter os casos de exploração sexual para melhorar a qualidade de vida das crianças e, principalmente, livrá-las da Aids.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: