Publicidade

Notícias de saúde

BRASIL: Doação de Sêmen Pode Ajudar Casais Inférteis

São Paulo, 12 de março de 2001 (eHealthLA). No Brasil, existem apenas dois bancos de sêmen humano e muitos casais precisam aguardar meses na fila de espera, até que apareça um doador com características compatíveis.

No Fertility – Centro de Fertilização Assistida – o banco de sêmen precisa ser abastecido, porém encontrar doadores não é fácil.

Segundo Assumpto Iaconelli, diretor do Centro, os atuais doadores são os próprios pacientes. “Na maioria das vezes são pessoas que tiveram um problema parecido em família e ficaram sensibilizados”, comenta o especialista.

Seleção

O Centro utiliza critérios rigorosos para a seleção e de cada 10 voluntários apenas dois são aproveitados. Como na cessão temporária de útero e doação de embriões, a doação de sêmen é um ato inteiramente espontâneo.

“No ano Internacional do Voluntariado, o homem pode ajudar a abastecer um banco de sêmen e propiciar a concepção de um bebê para pessoas inférteis”, afirma Iaconelli.

O voluntário passa por uma série de entrevistas e exames que certificam sua excelente qualidade de vida, afastando as doenças sexualmente transmissíveis e aquelas de incidência familiar genética. Segundo Iaconelli, a identificação e preferência pela escolha do sêmen são de responsabilidade do Centro, mas, previamente à inseminação, o casal assina um termo de acordo.

Ética

Uma criança, gerada com sêmen de doador, é de todas as formas civil, médica e legal, do casal que a gestou. A identidade do doador é um segredo médico. “Não fazemos a identidade civil do doador, mas sim a sua identidade médica”, conclui o especialista.

Copyright © 2001 eHealth Latin America

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: