Publicidade

Notícias de saúde

Exercícios diminuem a incidência de depressão em idosos

NEW YORK, (Reuters Health) – A manutenção de um regime regular de exercícios pode ajudar a diminuir o risco de depressão em idosos.

Homens e mulheres que reduziram seu nível de atividade física ao longo de um período de 8 anos foram mais propensos a sofrer de depressão do que indivíduos que mantiveram ou aumentaram seu nível de atividade, observam os pesquisadores.

De acordo com os autores, “o exercício físico é associado com melhor saúde mental”.Em seu estudo publicado na revista Preventive Medicine, Paivi Lampinen e colaboradores da Universidade de Jyvaskyla na Finlândia compararam a intensidade de exercícios e os sintomas depressivos em 663 pessoas com idade de 65 anos ou mais.

Os pesquisadores entrevistaram os indivíduos no início do estudo e novamente 8 anos depois. A atividade física foi dividida em três categorias: apenas tarefas necessárias, caminhada regular, e exercício físico extremo.

Os resultados mostram que os indivíduos tenderam a diminuir o nível de atividade física com a idade, uma tendência que sugeriu aumentar a possibilidade de se tornarem deprimidos independente de fatores sócio econômicos ou estado de saúde. Em geral, mais pessoas informaram realizar apenas tarefas indispensáveis, e menos pessoas relataram participar de atividades extenuantes após 8 anos.

Apenas 30% daqueles que eram engajados em atividade física extenuante no início mantiveram seu nível de atividade. Estas pessoas disseram ter menos sintomas depressivos em ambos os pontos do estudo, observam os autores. Por outro lado, indivíduos que se tornaram menos ativos ao longo do tempo ficaram mais deprimidos.

“A diminuição da atividade física de acordo com a idade aumenta o risco de sintomas depressivos entre idosos”, concluem Lampinen e colaboradores. “Isto pede medidas eficientes para manutenção e apoio de um nível adequado de exercícios físicos entre a população idosa”.

Em outros resultados, indivíduos idosos, mulheres, e aqueles com pelo menos três doenças crônicas foram mais propensos à depressão após 8 anos.

FONTE: Preventive Medicine 2000;30:371-380.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: