Publicidade

Notícias de saúde

Brasil: Celular Saudável : Pesquisas Buscam os Efeitos da Radiação Emitida por Telefones Celulares

São Paulo, 12 de Dezembro de 2000(eHLA). Depois do anúncio, na semana passada, do governo britânico sobre um investimento da ordem de US$10 milhões para pesquisa sobre o impacto dos telefones celulares sobre a saúde, outros estudos mundiais vieram à tona. O governo britânico determinou que os consumidores recebam um folheto advertindo para os riscos do uso de celulares quando comprarem um aparelho. O folheto vai aconselhar aos usuários que façam ligações rápidas e que as crianças façam chamadas telefônicas apenas em caso de emergência.

Anatel Quer Limitar Nível de Radiação e Calor

No início deste mês, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) anunciou que quer limitar a Taxa de Absorção Específica (SAR) dos aparelhos celulares em até dois watts/Kg. A taxa estabelece o nível máximo de calor que pode ser absorvido sem danos aos usuários. Após esta medida, a agência vai exigir dos fabricantes um relatório onde fique demonstrada a taxa de absorção específica dos equipamentos já certificados. Segundo Antônio Carlos Valente da Silva, conselheiro da Anatel, a agência segue os parâmetros da FCC, o órgão regulador americano, que limita a taxa em 1,6 watts/Kg.

“A decisão de incluir a limitação da taxa como condição para a certificação foi motivada por uma correspondência apresentada pelo Departamento de Engenharia Elétrica da Universidade Federal do Rio Grande do Sul ao Ministério Público daquele estado, sugerindo que a Anatel recolhesse todos os aparelhos emissores de calor acima do nível de dois watts”, explica Antônio Carlos. Como a Organização Mundial de Saúde (OMS) ainda não tem estudos conclusivos sobre os efeitos da emissão de radiação e calor dos celulares, a Anatel quer evitar alarmismo.

Pesquisa na Espanha Constata que os Efeitos da Radiação Podem Ser Ainda Maiores

Uma nova pesquisa, conduzida por cientistas da Universidade Complutense de Madri, na Espanha, constatou que o formato das células humanas pode fazer com que os efeitos de radiação emitida por telefones celulares sejam maiores que os observados em pesquisas anteriores. Nos outros estudos, os modelos de células eram esféricos. Na realidade, as células humanas têm formatos mais irregulares, como o de cilindros, o que alteraria a intensidade do campo elétrico gerado pela radiação. Não há nenhuma evidência de que o telefone celular possa causar danos à saúde do usuário, apesar de alterações nas células terem sido observadas.

Copyright © 2000 eHealth Latin America

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: