Publicidade

Notícias de saúde

Uruguai Suspende Exportação de Carne por Causa de Febre Aftosa

BUENOS AIRES (Reuters) - O governo uruguaio suspendeu na quinta-feira as exportações de carne devido a temores de uma possível epidemia de febre aftosa no norte do país, disse um importante funcionário do governo.

"Decidimos não emitir mais certificados de exportação até que a situação seja esclarecida", falou o vice-ministro da Agricultura e Pesca, Martin Aguirrezabala, à uma rádio local.

O governo do país aguarda para a tarde desta quinta-feira os resultados emitidos por um laboratório brasileiro de um teste para confirmar ou descartar se houve um foco da doença. Na terça-feira, o governo uruguaio disse ter detectado uma possível epidemia na província de Artigas, no Norte, próximo à fronteira com o Brasil. A província foi interditada para a entrada e saída de animais vivos e na quarta-feira as autoridades anunciaram que iriam abater 1.000 cabeças de gado e 4.000 carneiros.

A carne é o principal produto de exportação do Uruguai e o país está entre os líderes mundiais deste comércio.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: