Publicidade

Notícias de saúde

Poluição do ar pode encurtar a vida de idosos

19 de janeiro de 2018 (Bibliomed). Mesmo os níveis de poluição do ar considerados "seguros" pelos padrões governamentais dos Estados Unidos podem encurtar os períodos de vida dos idosos, indica uma nova pesquisa da Harvard School of Public Health. De fato, centenas de americanos mais velhos podem morrer prematuramente a cada ano devido aos efeitos do ar sujo, descobriu o estudo. Os resultados foram publicados no Journal of the American Medical Association.

A descoberta decorre de uma análise de previsão de computadores que correlacionou níveis de poluição de partículas finas e ozônio entre 2000 e 2012 com taxas de mortalidade em cerca de 93% de todos os americanos que estavam cobertos pelo seguro Medicare naquele momento.

Embora o estudo tenha encontrado apenas uma associação, os pesquisadores descobriram que, por cada pequeno aumento incremental na poluição particulada ou nos níveis de ozônio, a taxa diária de mortalidade aumentou entre aproximadamente 0,5% e 1%.

Descobriu-se que a taxa de mortalidade aumenta quase linearmente à medida que a poluição do ar aumenta. Qualquer nível de poluição do ar, não importa quão baixo, é prejudicial para a saúde humana.

Além disso, a equipe de pesquisa observou que alguns grupos de pessoas idosas são ainda mais vulneráveis ​​a essa exposição, com idosos de baixa renda que enfrentando um risco três vezes maior do que os idosos mais ricos.

FONTE: Harvard School of Public Health, 12-27-2017

Copyright © 2018 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: