Publicidade

Notícias de saúde

Grupos Anti-Aids Querem Processar Governo Sul-Africano

Por Emelia Sothole

JOHANNESBURGO (Reuters) - Uma coalizão de grupos anti-Aids da África do Sul disse que planeja uma ação legal para forçar o governo a fornecer a droga nevirapina a mulheres grávidas para prevenir a transmissão do HIV de mãe para filho.

A Treatement Action Campaign (TAC) afirmou na sexta-feira que sua ação de ajuda foi prejudicada por atrasos contínuos do governo e a recusa de aceitar uma oferta gratuita da Boehringer Ingelheim, a empresa alemã que produz a nevirapina com o nome comercial Viramune.

"Definitivamente, vamos prosseguir com a ação. Vamos à Justiça para estabelecer uma regra sobre o assunto para o governo fornecer nevirapina a mulheres grávidas", disse Tebo Kekana, da TAC.

A África do Sul possui uma das taxas de infecção de HIV mais altas no mundo, com 17.000 novas infecções a cada dia. Cerca de 4,3 milhões de pessoas, de uma população de 43 milhões, têm o vírus no país.

Uma pesquisa sul-africana apresentada na 13a. Conferência Internacional em Aids, realizada em julho em Durban, demonstrou que uma dose de nevirapina, fornecida à gestante durante o parto e ao bebê dentro de 48 horas após o nascimento, foi tão eficaz quanto o AZT e a droga é muito mais barata.

Em julho, a Boehringer Ingelheim anunciou que iria fornecer de graça a droga a países em desenvolvimento nos próximos cinco anos. Mas autoridades sul-africanas negaram a oferta, alegando que o país não possui infra-estrutura para monitorar um programa.

Kekana discorda do governo. "A nevirapina não precisa de qualquer infra-estrutura", afirmou Kekana. "Já existem clínicas pré-natais em operação e ela pode ser administrada em todas estas clínicas. Não precisamos estabelecer novos serviços", reforçou Kekana.

O Congresso dos Sindicatos Sul-Africanos (Cosatu) apoiou, na sexta-feira, a posição da TCA, criticando o governo por sua atitude ambivalente em relação às drogas antivirais.

"Onde o tratamento pode ser claramente fornecido, por exemplo no caso de drogas para a transmissão de mãe para filho, o governo deve fornecê-las urgentemente", afirmou o Cosatu em um documento que será apresentado em seu congresso anual em 18 de setembro.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: