Publicidade

Notícias de saúde

Uso inadequado de cintos de segurança em crianças e suas conseqüências

12 de julho de 2007 (Bibliomed). Crianças são muitas vezes vítimas fatais de acidentes de trânsito. Nos inúmeros casos registrados, nota-se como fator agravante o não uso ou uso indevido do cinto de segurança.

A revista americana, Journal of Trauma – Injury Infection & Critical Care, de junho de 2007, publicou um artigo a respeito dos traumas abdominais em crianças, decorrentes de acidentes de trânsito e sua relação com o uso de cintos de segurança.

Para a realização do estudo, os pesquisadores avaliaram crianças envolvidas em traumas por colisão automobilística, que usavam cinto de segurança, e que sofreram traumas abdominais e as compararam com outras crianças que sofreram acidentes semelhantes, mas que não tiveram as mesmas lesões. Fatores como o tipo de acidente, os aspectos de cada criança e os aspectos do trauma foram também avaliados.

Ficou evidente, após a avaliação, que os principais fatores associados ao desenvolvimento de lesão em órgãos do abdome, estão relacionados ao mau uso do cinto de segurança, que muitas vezes é colocado em posição inadequada. Outras situações associadas são a posição inadequada da criança no banco e o não uso do cinto de segurança de 3 pontos.

Novas estratégias tecnológicas devem ser criadas, para a utilização adequada dos cintos de segurança em crianças, de forma a se prevenir a ocorrência de lesões evitáveis em acidentes de trânsito.

Fonte: Journal of Trauma – Injury Infection & Critical Care; 62 (6): 1473 – 1480 (June 2007)

Copyright © 2007 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: