Publicidade

Notícias de saúde

Acidentes em estradas são uma importante causa de mortes na juventude

10 de maio de 2007 (Bibliomed). As estatísticas de mortalidade apontam as causas externas (acidentes, homicídio, suicídio, morte violenta) como a principal responsável pelos óbitos entre os jovens. A crescente violência das cidades grandes, que cada vez mais avança para os municípios de médio e pequeno porte, o abuso de substâncias químicas (álcool, drogas) e o aumento das contendas familiares e interpessoais, são os principais responsáveis pelo elevado número de mortes por causas externas, dentre os jovens.

Um recente editorial, publicado na revista The Lancet, em Abril de 2007, enfoca justamente a magnitude do problema que a morte precoce acarreta para a sociedade. No texto destaca-se que os acidentes rodoviários são a terceira causa de morte em crianças com idade entre 5 e 9 anos, e a segunda causa de óbito dentre os adolescentes com idade entre 15 e 19 anos. Os acidentes, envolvendo caminhões e carros de passeio que conduzem crianças, são um dos mais importantes responsáveis pela alta mortalidade dos acidentes rodoviários, nesta faixa de idade.

As estatísticas mundiais estimam que anualmente 1,2 milhões de jovens morrem, em decorrência de acidentes nas estradas, e um número ainda maior sofre seqüelas importantes, que permanecem para o resto de suas vidas. A lesão traumática do cérebro é a principal causa de óbito entre jovens que sofrem acidente rodoviário. Além disso, as pesquisas atuais estimam que em torno de 41 bilhões de dólares são gastos em decorrência destes acidentes, e somas ainda maiores envolvem tais eventos, pois a perda de capacidade produtiva dos jovens que morrem, a sustentação daqueles que permanecem com seqüelas que os impedem de trabalhar, e os gastos com reabilitação após o acidente, também devem ser computados neste cálculo.

Assim, conclui-se que campanhas educacionais e preventivas devem ser realizadas, a fim de se tentar reduzir as mortes de crianças e jovens em acidentes rodoviários.

Fonte: The Lancet 2007; 369 (9570): 1319 (21 April).

Copyright © 2007 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: