Publicidade

Notícias de saúde

Crianças que ingerem corpos estranhos: risco de vida

19 de dezembro de 2005 (Bibliomed). A ingestão de corpo estranho pelas crianças é uma queixa comum nos setores de emergência. Embora a maioria dos objetos ingeridos passe através do trato gastrintestinal sem maiores complicações, algumas crianças necessitarão de intervenções clínicas ou cirúrgicas.

Um artigo publicado no European Journal of Emergency Medicine relata caso de criança de um ano de idade em que o diagnóstico atrasado da ingestão de vidro resultou no desenvolvimento de um abscesso na região posterior da faringe, de uma perfuração no esôfago e de uma infecção generalizada no mediastino (mediastinite).

Tais complicações que seguem a ingestão do corpo estranho nas crianças são raras, mas são, também, potencialmente fatais, com uma alta mortalidade.

Um índice elevado de suspeita deve ser mantido nas crianças novas em que um diagnóstico atrasado pode conduzir a um aumento da morbidade e mortalidade.

Fonte: European Journal of Emergency Medicine 12(6):312-316, December 2005.

Copyright © 2005 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: