Publicidade

Notícias de saúde

Cuidados com as doenças de inverno devem começar desde já

12 de Março de 2003 (Bibliomed). Apesar de faltar alguns meses para o inverno, este é o momento ideal para se prevenir das doenças características desse período. Além de proteger contra as gripes, as vacinas podem evitar complicações como otites, rinites, sinusites, amigdalites e outros problemas.

A amigdalite é uma das infecções passíveis de complicação, quando não tratada de forma adequada. Quando causada por uma bactéria, necessita da assistência de um especialista, que irá tratá-la com antibióticos específicos. O tratamento de forma inadequada ou a falta dele pode expor o paciente ao risco de desenvolver febre reumática ou glomerulonefrite (doença nos rins). Cerca de 2% dos casos de amigdalite bacteriana pode evoluir para esse tipo de doença considerada grave, que acomete habitualmente pessoas entre 5 e 15 anos de idade.

Por sua vez, a otite média aguda é uma infecção bacteriana ou virótica, que costuma se desenvolver como uma complicação do resfriado comum. Ocorre mais no outono e inverno e afeta crianças com idade entre o terceiro mês de vida e os três anos. Os sintomas são dores fortes e persistentes de ouvido associadas à febre, aumento da consciência da própria voz e sons da respiração ou perda temporária da audição, vertigens, movimentos espasmódicos dos olhos e tinidos semelhantes a sons de campainha ou zumbidos. Pode agravar-se, trazendo complicações como a mastoidite (uma infecção do osso localizado atrás da orelha, que pode ocasionar a meningite e abscesso intracraniano), paralisia do nervo facial, baixa da audição e labirintite.

A rinite e a sinusite são doenças prevalecentes no inverno, decorrentes de infecções virais e processos alérgicos das vias respiratórias. Essas inflamações da mucosa sinusal e nasal atingem em maior proporção às crianças. A rinossinusite pode apresentar quadro agudo ou evoluir para crônica e, muitas vezes, tornar difícil distinguir uma rinossinusite viral de uma bacteriana. Os sintomas são obstrução nasal, rinorréia, tosse e febre. A gripe ou o resfriado persistente por mais de 10 dias, com muita secreção nasal purulenta e febre podem indicar uma infecção bacteriana.

Já a laringite é uma inflamação da laringe, órgão sensível às alterações que ocorrem nos meses de inverno, como mudanças na temperatura, umidade e poluição. Os sintomas dos diversos tipos de laringite são pigarro, sensação de secreção na garganta, rouquidão, tosse, ruído ao respirar, falta de ar e dor.

Copyright © 2003 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: