Publicidade

Notícias de saúde

Ministério da Saúde libera R$ 10,8 milhões para pré-natal e parto

Belo Horizonte, 24 de Agosto de 2001 (Bibliomed). O Ministério da Saúde está celebrando 46 convênios, no valor total de R$ 10, 8 milhões destinados ao atendimento integral à gestante e ao recém-nascido em unidades do Sistema Único de Saúde (SUS).

As entidades que firmarem os convênios ficam obrigadas a implantar centrais de regulação obstétrica e neonatal e sistemas móveis de atendimento à gestante. Além disso, serão adquiridos modernos equipamentos.

Os 46 convênios vão beneficiar unidades de saúde dos estados do Acre, Alagoas, Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Sergipe e São Paulo. Essa ação integra o programa de Humanização do Pré-Natal e do Nascimento criado no ano passado pelo Ministro da Saúde José Serra.

Com os investimentos, espera-se reduzir a mortalidade materna e neonatal, graças à melhoria das condições gerais de infra-estrutura dos hospitais que realizam um número igual ou superior a mil partos por ano no País.

Além dos recursos financeiros, o programa também destina cerca de R$ 30 milhões para a distribuição de kits de atendimento à gestante de alto risco.

Em julho, o Ministério da Saúde, por intermédio do Reforsus (Programa de Reforço à Reorganização do SUS), realizou a distribuição de 377 kits para 210 entidades em todo o País. Em setembro, começa a distribuição de outros 77 kits.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: