Publicidade

Notícias de saúde

Hábitos saudáveis podem amenizar prisão de ventre

Belo Horizonte, 27 de Julho de 2001 (eHealthLA). Esforço na hora de ir ao banheiro, fezes ressecadas, sensação de evacuação incompleta e pouca freqüência evacuatória. A constipação intestinal, popularmente chamada de prisão de ventre, é um problema conhecido de diversos brasileiros, que muitas vezes têm receio de procurar um médico para se livrar do incômodo.

Esses pacientes, que sofrem com o distúrbio intestinal, podem transformá-lo em doença crônica com o uso constante e inadequado de laxantes. É importante saber que a freqüência de evacuações pode variar de três vezes ao dia até três vezes por semana. A grande variação se dá pelo fato de cada organismo ter um ritmo próprio.

Raramente as dificuldades para controlar o intestino estão ligadas a uma causa orgânica ou doença. Normalmente, estão relacionadas à falta de ingestão de água e fibras (presentes em vegetais, frutas e cereais), ao sedentarismo (que faz com que os movimentos peristálticos do intestino fiquem lentos) e ao não uso do banheiro na hora em que se tem vontade (que pode provocar o endurecimento das fezes).

Em muitos casos, o alívio para o problema está em medidas simples, como melhorar a alimentação, aumentar o consumo de água e caminhar. Muitos pacientes conseguem sanar o incômodo mudando seu estilo de vida e respeitando o desejo evacuatório, ou seja, não adiando a ida ao banheiro. A orientação médica também é fundamental para identificar se os sintomas intestinais representam algo mais grave.

Se os hábitos saudáveis não bastarem para aliviar o desconforto, é preciso pesquisar o efeito de doenças como diabetes, hipotireoidismo e depressão. Também são investigadas possíveis alterações nos movimentos naturais da parede intestinal (responsáveis por "conduzir" as fezes), distúrbios que podem dificultar e até impedir a defecação e lesões mais sérias, como pólipos e tumores do intestino.

A mudança repentina nos hábitos intestinais de pessoas que antes não apresentavam queixas serve como advertência, combinada com sangramento, eliminação de catarro nas fezes e alterações no seu aspecto.

Copyright © 2001 eHealth Latin America

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: