Publicidade

Notícias de saúde

Aumenta a obesidade infantil no país

São Paulo, 11 de Abril de 2001 (eHealthLA). Na abertura do XVI Congresso Brasileiro de Nutrição em Belo Horizonte(MG) a professora da Universidade Federal de Viçosa(MG), Josefina Bressan Resende Monteiro discorreu sobre a obesidade, uma doença crônica, que cada vez mais atinge crianças e adolescentes do país em razão de hábitos alimentares inadequados.

Dados divulgados dão conta que 34% da população brasileira têm excesso de peso, sendo que 10% são de obesos. Há 10 anos, 5% a 6% das crianças brasileiras eram obesas. Atualmente, este índice chega a 10%, o mesmo dos adultos, estimam os especialistas preocupados com as informações.

O obeso é uma pessoa que possui índice de massa corporal superior a 30 quilos por metro quadrado e está sujeito a várias doenças.

A obesidade provoca aumento do colesterol, surgimento de diabetes, hipertensão, gota (excesso de ácido úrico no sangue).

Afora isso tudo, o excesso de peso sobrecarrega a articulações e pode causar artrose e câncer, além de trazer dificuldades na obtenção de emprego no mercado.

A preocupação do Ministério da Saúde com a obesidade é tamanha que foi instituído o Dia Nacional de Combate à Obesidade, que ocorre em 11 de outubro.

A política do Ministério da Saúde, salientou Josefina Bressan, também coordenadora da comissão científica do congresso, é prevenir a obesidade a partir da infância, o que implica na deflagração de campanhas contra a obesidade, principalmente nas escolas.

O ideal para as pessoas em geral é uma alimentação balanceada, aumento da atividade física e, quando for identificado por um médico que a obesidade é causada por compulsão ou ansiedade, tratamento farmacológico e acompanhamento de um endocrinologista.

Para a obesidade mórbida, um dos recursos que tem sido eficaz é a gastroplastia, cirurgia para redução do estômago.

Copyright © 2001 eHealth Latin America

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: