Publicidade

Notícias de saúde

Diarréia Atinge Até 50% dos Que Viajam a Áreas Tropicais

19 de Janeiro de 2001 (Bibliomed). As doenças mais comuns entre as pessoas que viajam são diarréia, febre amarela, malária e hepatite A e B, segundo o infectologista Marcos Boulos, idealizador do Ambulatório dos Viajantes, uma parceria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) e da Superintendência de Controle de Endemias (Sucen) da Secretaria de Estado da Saúde.

"Mas isso vai depender da região de destino do viajante", destacou o médico. A diarréia infecciosa, causada por água ou alimentos contaminados por bactérias ou outros microorganismos, atinge aproximadamente de 30 a 50 por cento das pessoas que vão para áreas tropicais do país.

Boulos recomenda que, para evitar o problema nas áreas de maior risco, "deve-se tomar cuidado com o que se coloca na boca", ou seja, tomar somente água tratada ou engarrafada e evitar alimentos crus ou mal cozidos, dando preferência àqueles bem tostados e sem molho.

O infectologista sugere que pessoas com viagens marcadas para áreas endêmicas devem procurar o serviço "o quanto antes", pelo menos 30 dias antes do embarque.

"A vacina da hepatite B, por exemplo, deve ser tomada pelo menos em duas doses, com intervalo de um mês e a vacina contra a febre amarela deve ser tomada entre dez a 15 dias antes da viagem", acrescentou Boulos.

O Ambulatório dos Viajantes será inaugurado na sexta-feira.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: