Publicidade

Notícias de saúde

Brasil: Estudo dos Distúrbios de Voz e Fala Desenvolvido pela Unifesp Auxilia na Doença de Parkinson

São Paulo, 07 de Dezembro de 2000(eHLA). Exames que avaliam padrões de tremor vocal, utilizados pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), podem ajudar a diagnosticar com maior precisão a doença de Parkinson. A descoberta é resultado de um estudo, envolvendo 86 pessoas de 45 a 90 anos. No novo método, a voz do paciente é analisada através de um equipamento computadorizado, chamado telelaringoestroboscopia, que extrai dados objetivos da voz, como medidas de freqüência, amplitude, tremor, ruído e turbulência vocal. "Além de ajudar no diagnóstico e tratamento, o novo método permite quantificar a melhora com o tratamento ou a progressão da doença", afirma Onivaldo Cervantes, professor da disciplina de Otorrinolaringologia e chefe do setor de Cirurgia de Cabeça e Pescoço da Unifesp."Através do exame, verificamos que dos pacientes que sofrem da doença, quase 80 por cento apresentam algum tipo de tremor na laringe, sendo cerca de 65 por cento nas cordas vocais", conclui.

Parkinson

Segundo Dr. João Carlos Papaterra Limongi, médico da Associação Brasil Parkinson (ABP), a doença de Parkinson é uma afecção degenerativa do sistema nervoso central caracterizado essencialmente por sintomas motores. “Entretanto, manifestações não motoras também podem ocorrer, tais como: comprometimento da memória, depressão, alterações do sono e distúrbios do sistema nervoso autônomo”, explica. A falta de neurotransmissores prejudica a comunicação entre as células cerebrais, fazendo com que algumas áreas parem de funcionar e ocorram alterações motoras. Não há cura para a doença, mas, sim, medicamentos e fisioterapia que amenizam os sintomas. Em alguns casos recomenda-se até uma cirurgia. “A doença de Parkinson resulta da deficiência da produção de dopamina, substância química importante na transmissão de mensagens relacionadas ao movimento”, diz Limongi. Seus principais sintomas são tremores nos membros ou nas extremidades, alterações na postura e no equilíbrio e dificuldade de comunicação e deglutição. Os tremores e vibrações nas cordas vocais são típicos da doença.

Um por cento da população dos EUA sofre com a doença, num total de 1,5 milhão de pessoas com a doença de Parkinson. "São diagnosticados 20 casos novos por ano para cada grupo de 100.000 indivíduos. E cerca de 89 por cento dos pacientes apresentarão algum tipo de distúrbio da voz ou da fala durante a doença", acrescentou Cervantes.

Copyright © 2000 eHealth Latin America

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: