Publicidade

Notícias de saúde

Francês Aceita Transgênico, Desde que Conste no Rótulo

PARIS (Reuters) - Dois terços dos consumidores franceses não têm aversão a alimentos contendo organismos geneticamente modificados (GMO) quando os produtos têm um rótulo com a marca alertando para o fato, de acordo com um estudo publicado esta semana. O estudo, do instituto francês de pesquisa agrícola Inra, indica que existe uma grande diferença entre a hostilidade expressada pela opinião pública francesa em relação aos transgênicos e o comportamento individual do consumidor.

"Os consumidores estão preparados para comprar produtos com um logotipo de GMO? A resposta é 'sim' para muitos. Apenas 35 por cento recusam esses produtos", disse o Inra no estudo.

"Dois terços dos consumidores aceitam os transgênicos e estão preparados para comprá-los, e um terço boicota", disse à Reuters Bernard Ruffieux, pesquisador que coordenou o estudo.

Ele disse que os consumidores ficam mais abertos com relação aos produtos geneticamente modificados quando recebem mais informações a respeito. Os cientistas disseram que os consumidores receberam o lançamento da primeira leva de transgênicos como "enganoso e forçado", o que acabou por tornar a aceitação dos produtos muito pequena. O estudo também afirmou que o setor alimentício deveria desistir da criação de linhas de produtos livres de transgênicos, observando que a maioria dos consumidores franceses não tem noção sobre as regras para os rótulos, e portanto já consome produtos transgênicos, mesmo sem saber.

Barras de cereais, óleos vegetais e produtos que contêm amido são alguns exemplos.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: