Publicidade

Notícias de saúde

UE Estuda Proibir Uso de Ração Animal a Base de Carne

BRUXELAS (Reuters) - O comissionário para a segurança alimentar da Europa, David Byrne, propôs na quarta-feira a proibição temporária do uso de ração animal a base de carne na União Européia (UE). A medida, prevista para começar a partir de janeiro de 2001, visa combater a propagação da doença da vaca louca.

Byrne também disse que iria propor aos ministros da Agricultura da União Européia, em 4 de dezembro, que todo o gado com mais de 30 meses fosse excluído da cadeia alimentar, a menos que fossem testados para a encefalopatia espongiforme bovina (BSE).

"As propostas são essenciais para o aumento da confiança do consumidor. Estou preocupado com os controles da carne e ossos usados em rações animais", disse Byrne numa coletiva de imprensa.

Byrne falou depois de um encontro com cientistas, que disseram que os embargos nacionais contra a carne francesa por outros membros da UE não eram justificados.

Em resposta ao crescente pânico com o BSE, o governo francês baniu os chamados T-bone steaks e rações animais a base de carne.

Mas muitos dos parceiros da França na UE continuam inseguros. Espanha, Itália, Áustria e a Holanda estavam entre os países que restringiram as importações de gado e carne francesa.

Byrne disse esperar que essas medidas nacionais "diminuam" depois do encontro com funcionários de governo da área agrícola na segunda-feira.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: