Publicidade

Notícias de saúde

Bird Renova Compromisso de Ajuda na Luta Contra Aids

Por Mark Egan

WASHINGTON (Reuters) - O Banco Mundial (Bird) reafirmou na terça-feira seu compromisso com o financiamento "sem limites" na luta contra a epidemia da Aids e disse que o Leste Europeu deve superar sua "recusa" em combater adequadamente a doença mortal.

Em um breve comunicado divulgado antes do Dia Mundial da Aids, comemorado dia 1o de dezembro, autoridades do Bird explicaram sua estratégia para ajudar a combater a epidemia global.

Além de aumentar o financiamento para prevenção e tratamento de HIV/Aids -- o Bird se comprometeu a gastar mais de 500 milhões de dólares em projetos de Aids na África -, o banco espera aumentar a conscientização da doença e combater o preconceito em relação às pessoas infectadas com HIV.

Uma das iniciativas é um vídeo patrocinado pelo banco em conjunto com a MTV e o Unaids, programa de Aids das Nações Unidas, que deve ser visto em 800 milhões de lares no Dia Mundial da Aids.

Apesar dos esforços do Bird, do Unaids e de outras instituições para promover a conscientização da doença, o número de infecções com HIV aumentou drasticamente no Leste Europeu nos últimos anos com o uso de drogas injetáveis.

Atualmente, cerca de 36 milhões de pessoas vivem com o vírus da Aids e a doença já causou a morte de cerca de 3 milhões de pessoas só este ano.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: