Publicidade

Notícias de saúde

Salões de Beleza Podem Oferecer Risco à Saúde dos Funcionários

Por Keith Mulvihill

BOSTON (Reuters Health) - A exposição diária aos agentes químicos presentes nos alisantes e tinturas para cabelo pode pôr em risco a saúde dos funcionários dos salões de beleza. Os pesquisadores da Escola de Saúde Pública da Universidade de Boston, em Massachusetts, nos EUA, estão estudando os riscos potenciais para saúde dessas exposições, de acordo com trabalho apresentado durante encontro recente da American Public Health Association, em Boston.

"Realizamos um estudo preliminar para avaliar a exposição ocupacional e os riscos para saúde de trabalhadores de salões de beleza em Boston, especialmente os que atendem mulheres afro-americanas", disse a coordenadora do estudo Julie Watts. "Pretendemos usar esses dados para ajudar esses trabalhadores a reduzir sua exposição a produtos potencialmente perigosos", explicou a pesquisadora.

A equipe estudou dez salões e entrevistou um total de 56 funcionários. Eles verificaram que 15 por cento dos funcionários do salão se queixavam de asma, eczema e urticária, enquanto 30 por cento informaram ter febre do feno ou rinite. O estudo não verificou se esses problemas eram resultado direto do trabalho no salão.

Os pesquisadores também observaram que os funcionários não tinham acesso às instruções de uso dos produtos -- literatura fornecida pelos fabricantes que explica o manuseio apropriado das substâncias e os riscos da exposição. Também não tinham qualquer controle sobre a ventilação do ambiente.

"Alguns deles disseram que faziam cerca de 20 alisamentos de cabelo diariamente. Essas pessoas têm uma alta exposição a agentes químicos, se comparadas à população em geral", disse Watts à Reuters Health.

Os alisantes contém lixívia e outras substâncias cáusticas, necessárias para quebrar as moléculas de sulfeto de hidrogênio do cabelo e torna-los lisos, explicou Watts. Além disso, estes produtos contém solventes como propileno glicol, emolientes, hidratantes e perfumes.

A exposição a químicos presentes em alisantes e tinturas têm potencial para causar alterações biológicas e físicas no organismo. Essas substâncias penetram no corpo por meio da pele, mas podem também ser inaladas.

Com base em estudos toxicológicos anteriores, sabe-se que esses efeitos causam, queimadura, irritação de mucosas, dermatite, tosse e irritação das vias respiratórias.

"Nossa principal recomendação é a melhoria da ventilação, estimulando a empresa a encorajar seus funcionários a respirar ar puro sempre que possível", declarou Watts. "Também dissemos aos trabalhadores para que não comam, bebam ou fumem quando usarem estes produtos, para evitar a ingestão acidental destas substâncias químicas", informou a especialista.

Outra preocupação levantada por Watts é o perigo que esses produtos representam para crianças. Cerca de 75 por centro dos salões estudados informaram que fazem tratamentos para alisar o cabelo em crianças menores de 12 anos de idade.

"Não sabemos quais efeitos do uso desses produtos para a saúde de crianças muito pequenas", disse a pesquisadora. "Há alisantes para crianças que não diferem muito dos produtos destinados aos adultos."

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: